Notícias


São Mamede vivenciou 5ª Conferência da Saúde

Através do Conselho Municipal de Saúde, a cidade de São Mamede vivenciou a 5ª Conferência Municipal de Saúde, como tema central: “Democracia e Saúde: Saúde como Direito e Consolidação e Financiamento do SUS”. O evento foi realizado nessa última sexta-feira, 5 de abril, na Câmara de Vereadores Manuel Etelvino de Medeiros.

Durante o cerimonial, a Presidente do Conselho, Talita Cabral, fez a leitura do termo de abertura da conferência. Enquanto a Secretária Municipal de Saúde, Niúda Morais, deu as boas-vindas ao público e argumentou sobre a importância de reunir a comunidade e os profissionais da saúde.

"É nesse momento que contamos com a participação da comunidade e dos trabalhadores da saúde para montar estratégias e defendermos a saúde do nosso município", disse.

Na sequência das falas, teve a participação do Vereador Neoclécio Batista de Andrade, a Vice-Prefeita Eva Lucena e o Prefeito Umberto Jefferson. Além do Conferencista José Leudo Farias Alves, que atua na Coordenação Regional de Gestão.

O prefeito fez um relato das ações do município em prol da saúde da população, com destaque para as consultas especializadas, na policlínica municipal, nas áres de dermatologia, psiquiatria, pediatria, ortopedia, endocrinologia. Além disso, são feitas semanalmente diversas cirurgias eletivas, no hospital da cidade.

Sobre novas implementações, o prefeito destacou a criação da casa de apoio na cidade de João Pessoa, para pacientes em tratamento. Na zona rural, aquisição de consultório odontológico móvel e, na cidade, a revitalização de um prédio próprio para a policlínica municipal, que atualmente funciona anexada ao hospital.

Na sequência, os representantes da 6ª Gerência da Saúde, a saber, Marivalda Xavier e Paulo Sérgio Nascimento, e da Coordenação Regional de Gestão, José Leudo Farias Alves, apresentaram a abordagem central da conferência. Mostrando a história da saúde no país, os primeiros passos para mudança de rumo, a partir da constituinte de 1988 até a gestão participativa.

O município desenhou o seguinte quadro de propostas: 1. Implantar serviço de Assistência Social no hospital; 2. Criar o plano de cargos e carreiras para os profissionais da Saúde, incluindo o 14º para os agentes comunitários e de endemias; 3. Revogar Lei que congelou os recursos financeiros da saúde por 20 anos; 4. Melhorar o plano municipal de saúde.  

Teve ainda a votação para escolha dos delegados e suplentes que vão representar o município na conferência estadual, em João Pessoa, no dia 11 de junho. Da parte dos usuários: Luzia de Sousa e Ronivon Félix, e da saúde: Hellen Tayanne e Daniel dos Santos.

A última etapa será em Brasília, no período de 4 a 7 de agosto, durante a 16ª Conferência Nacional. O objetivo é analisar e votar o Relatório Nacional Consolidado, em consonância com os relatórios estaduais e do Distrito Federal.

« Voltar